Aqui começa a minha jornada, no mundo maravilhoso do sentimento de SER "Simplesmente Avó"

Arquivo da categoria: Experiências

Já falei em uma outra postagem que a coisa que mais me chama a atenção e encanta nessa sua escolinha é a maneira que os assuntos são abordados e os conceitos são passados através de experiências lúdicas, nas vivências teatrais , nas atividades de sala e nas de recreação.

As estações do ano, a fauna, flora, os costumes locais, o folclore, diferenciação de paladares (com experimentações de frutas doces, azedas), fixação das cores e aprendizados elementares para a introdução à alfabetização.

As estações do ano são celebradas com exemplificações práticas das características de cada uma. Costumes locais, como festas juninas, são introduzidos, além dos elementos comuns, os ícones da música nordestina e comidas típicas, lavagem do Bonfim, com atividades de lavagem do pátio da escola. Folclore, como o bumba-meu-boi, saci-pererê etc são apresentados com dramatizaçoes e algumas danças como capoeira, também são oferecidas na escola. A apreciação da natureza e seus elementos são valorizados com o dia da árvore, apresentações teatrais sobre coisas da fazenda e muitas outras atividades que ainda não registrei.

Correção da Legenda: Festas Religiosas, costume local

Correção de Legenda: Costume local: festa de São João


E férias se curte como deve ser: sem horários, sem preocupações…só curtindo a vida e o que ela tem para oferecer, na companhia de quem mais amamos: a família!

Esse ano teve seu primeiro passeio de avião…pois é, se comportou feito um príncipe, não teve medo e até contou para a vovó que viu as “gotículas” da chuva nas nuvens…rsrsrs..que amorzinho!

E lá se foram para uma visita ao belo Estado do Ceará, passando por Canoa Quebrada e a praia de Cumbuco, culminando no Beach Park, em Fortaleza. Embora não tenha registro das dunas, mas você me contou nos áudios do WhatsApp que “foi muito legal andar de bugre”.

Olha, Arthur, um dia ainda vou achar um meio (aprender é claro) de reunir todos os seus áudios, para mais tarde você escutar a sua própria voz desse período da sua vida.

“Vovó o beach park tem um “balde muiiiito grrrande”e ai ele derramou e fez uma cachoeirona…e a cachoeira nao era boa porque era muito forrrte….” Amo muito todos os seus “rrrr” e historinhas contadas com todos os detalhes! ❤

arthur-aeroporto

Espera no aeroporto..

arthur-aeroporto1

A caminho da aeronave…

arthur-aviao

Já acomodado na poltrona…

arthur-aviao1

Que saquinho é esse?? massinha de modelar que a mamãe comprou no aeroporto…

arthur-fortaleza

Hora do jantar e teve até show humorístico..

arthur-fortaleza4

arthur-fortaleza3

Em Canoa Quebrada…

arthur-fortaleza2

arthur-fortaleza1

Barraca de praia que tem até piscina, que legal não é? Em Canoa Quebrada…

arthur-fortaleza5

Praia de Cumbuco

arthur-fortaleza6

Entrada do Beach Park

arthur-fortaleza7

Beach Park – Fortaleza/CE

arthur-fortaleza8

arthur-fortaleza12

arthur-fortaleza9

arthur-fortaleza13

arthur-fortaleza10

arthur-fortaleza11

 

 


O que aprende uma criança cuja refeição é feita, a louça é lavada e a roupa é guardada sem que ela tenha que mexer um dedo?

Esse tipo de iniciativa é um estímulo para as crianças, que apreciam a confiança depositada nelas, ainda que demandem o acompanhamento dos pais. Delegar à criança algumas tarefas contribui para o desenvolvimento do seu senso de responsabilidade, sua maturidade, seu cuidado com as coisas e sua compreensão do funcionamento básico de uma casa. Afinal, o que ela aprende deixando a roupa suja no cesto e depois só a vendo, como que por mágica, limpa e passada dentro do armário?

Incorporar as crianças no dia a dia da casa – solicitando tarefas adequadas à idade, é claro – significa reconhecê-las como seres capazes, significa confiar nas suas competências de aprender com tais desafios. À medida que a criança conquista graus de autonomia – consegue ir ao banheiro, comer e tomar banho sozinha, por exemplo -, ela pode assumir responsabilidades proporcionais.

O site diiirce.com.br publicou recentemente uma planilha indicando maneiras apropriadas  das crianças ajudarem nas tarefas de casa, com base na faixa etária em que se encontram.

Fonte: todacriancapodeaprender

ezywatermark170128043906161

ezywatermark170128044005151


Você tem ainda 3 anos, ao longo do tempo talvez não acione todas as coisas do que viveu até essa data, mas por isso mesmo que acho importante registrar aqui esses momentos para futuras referências. Sei que você vai amar…eu adoraria lembrar coisas da minha época de criança, mas infelizmente muitas coisas se apagaram da minha memória, naquele tempo não tínhamos os recursos de mídia e comunicação que temos hoje.

Nesse período de férias escolares e também de trabalho dos seus pais, tivemos uma perda muito querida e que ficará para sempre na sua lembrança, mais tarde, quando você ficar maiorzinho vai entender melhor. Cumprindo um ciclo natural da vida, seu avô, pai do seu pai, se ausentou temporariamente, indo morar por enquanto na casa do “papai do céu”, deixando saudades e lembranças. Como se diz na linguagem infantil: “virou uma estrelinha”.

Vocês foram passar o Natal com sua avó Tomira e depois seguiram para o Conde, passando o Ano Novo por lá, onde já lhe aguardavam seu dindo Marcelo, tia Nay, tia Lala, tias Cadinho e Marta, tios Edson, Duda e Camura, a bisa e o biso.

A primeira coisa que você perguntou a tia Lala: “já armaram minha piscina”? 😀

arthur-conde

A caminho da praia….

arthur-conde6

arthur-conde1

Delícia de piscina…

arthur-conde2

Todo cheio de pose…

arthur-conde3

Com tia Lala…

arthur-conde4

Com mamãe e papai…a praia só de vocês!

arthur-conde5

 

arthur-conde7

Agora na sua piscina…rsrsrs..com tia Lala e dindo Marcelo

 

 


Ano passado você também foi ao Jardim Zoológico, mas olha agora a diferença! Interagir com amiguinhos, conhecer já o nome dos animais, começar a construir a sua imaginação e interação com a natureza é outra coisa!

Conversando com você pelo Skype, me contou a sua aventura e me disse que o bicho que mais gostou foi o jacaré…rsrsrs…porque será, eu não sei…a zebra tinha “umas listras coloridas – de branco e preto” 😀 😀 , o macaco tomou a bexiga da sua amiguinha, mas não tomou a sua e também viu o hipopótamo e uma cobrrrra grrrrrande 🙂

Me disse também que teve picnic, comeu biscoito, melão e tomou suco de tangerina! Poxa, que delíciaaa! Ahhh…e teve bolha de sabão também 😀

Aqui estão os registros…

zoo

zoo1

zoo2 zoo3

zoo4

zoo5

zoo6

zoo7

zoo8

zoo9

zoo10

zoo11

zoo13

zoo14

zoo15

zoo16

zoo17

zoo18

zoo19


Sua mamãe tem todas as razões do mundo de ficar orgulhosa de ver o seu progresso intelectual, emocional e físico indo melhor a cada dia. Gratidão ao Senhor da Vida!

Sua avó, do lado de cá, não fica atrás, amo cada conquista e cada aprendizado, ainda mais quando se recebe um boletim escolar igual a esse (boletim??? ahhh…chamo assim, mas é um diário da escola de acompanhamento e avaliação do seu desenvolvimento). Primeiro foi o do primeiro semestre de 2015, que ainda não tem muita coisa, mas o do segundo semestre veio recheiadinho de progressos! Parabéns, meu amor!

relatorio

 

relatorio2

relatorio4

relatorio1

relatorio3


A escolhinha sempre prepara alguma comemoração especial nos dias comemorativos, especialmente no Dia das Mães, e esse ano cada sala teve um tema diferente para as apresentações. O tema da sua foi Hollywood, com a apresentação dos Piratas do Caribe. Adivinha, qual o seu personagem?? ahhhhh…o pirata mais garboso, mais chic da trupe, o capitão Jack Sparrow.

Vou lhe contar uma coisa, ô criatura curiosa é essa sua mãe viu Arthur? A festa era surpresa, mas ela ficava investigando como seria a apresentação, dava volta e meia e perguntava a sua tia Lala..rsrsrs…não duvido se não perguntou a alguma das mães dos seus coleguinhas…também, não é à-toa que ela nasceu de 7 meses!

Bem, eu estou de longe, mas sei de tudo e queria muito estar ai para ver sua apresentação, mas como não pude, então só restou me contentar com as fotos.

Vamos ao registro desse momento! A vovó riu, gargalhou, mas também chorou de emoção do lado de cá ❤

jack

jack1

jack2

jack3

jack4

jack5

jack6

jack7

jack8

jack9

jack10

E por fim, o Jack Sparrow não resistiu, dormiu…rsrsrsrs

 



%d blogueiros gostam disto: